Solidão é pretensão de quem fica
escondido
Fazendo fita

30.4.09

29.4.09

Sartre, Sartre....ai ai ai

"Se você sente tédio quando está sozinho
é porque está em péssima companhia"

Mundos internos

De Alice Cooper:

"Couldn`t tell you how i wanted you"

De Michelle Matta:

"Eu só quero ser espontânea, livre. Virar pra pessoa e dizer: Eu gosto de vc. Eu quero vc. Mesmo que isso não seja compreendido."

E De vc?

28.4.09

Excitação

Só água gelada na minha cara, porque eu tô mais sóbria que felino em caça de mini saia.

E as paredes sobem por minhas pernas.

Ah! Caetano....

"...Teu corpo combina com meu jeito
Nós dois fomos feitos muito pra nos dois
Não valem dramáticos efeitos
Mas o que está depois

Não vamos fuçar nossos defeitos
Cravar sobre o peito as unhas do rancor
Lutemos mas só pelo direito
Ao nosso estranho amor..."

Hum...Que vontade inconsequente de chocolate

Tudo é meio a meio.

Mas a sua parte é maior... Porque eu sou menina e você é menino.

(em meio a risos com a Bel)

Não era amor.

Não me faça esperar.
Tenho pressa em saciar essa vontade louca de te ver.
Me tome aos poucos.. O tudo, o todo de um gole só.
A paixão é isso, ela desafia o mundo é de um crescente absurdo.
É sanguínea.
Só não me faça esperar. Não dá.
Eu tô gritando, esperneando, você não vê? Você não sente? Você não crê?
Cadê essa saudade?
Cadê?
A paixão é mimada. Não sabe o que é pouco.
Gosta louco.
Fala "tiamo" querendo dizer "tipossuoevcmepossui".
É sofrimento, é vicio. E o mais louco: É bom pra agora e pra depois
Mas não me faça esperar.
Eu vou até lá.
A paixão faz escândalo. Anda em bando.
Seguida do tesão, da emoção, do ciúme, da posse, do prazer, do insano...Intoxicando.
Chega quebrando. Desafiando.
É dada a explosões, supetões, roupa rasgada, canções, mordidas e a beijos demorados molhados sugados.
Não me faça esperar.
Se não te toquei no fundo, não vibrei seu mundo como pensei...
Eu sei, eu vi nos seus olhos aquela vez.
Doeu.
Então vaza, rala e não se acovarda.
Faça enquanto ainda dá tempo.
Paixão não é pra guardar.
É pra soltar.
Só não me faça esperar.
Porque não aguento.
Porque me arrebento.
Porque te arrebento... Sem esperar.

23.4.09

Coração num copo II

Enquanto vc guarda consigo gole a gole as suas emoções proibidas. Ela atira o copo na parede.

Coração num copo I

E vai contar mentiras aos teus amigos e beijar a sua boca bêbada. Tão delicada, ela pode ser tua sem alma. Até que o copo estoure e seu coração volte a bater novamente.

Baby, tenho que lhe dizer: O mundo adora pessoas como nós.

Pra vc.

A minha direção teima em acreditar que vc vai achar o caminho. Eu sei, eu sei que são detalhes perigosos demais... E o teu silencio, é a falta de resposta no meu peito cheio de vulcões.
No teu futuro distante ainda tenho vontade de te morder, de te beijar, de te excitar, de me entregar. E é essa vontade que nem tamanho tem, que nunca da pé....nunca da pé.
E vc já sabia.
E vc já sabia.

22.4.09

Arte de amar

"...Deixa o teu corpo entender-se com outro corpo.
Porque os corpos se entendem, mas as almas não."

(Manuel Bandeira)

21.4.09

Ironia me dá um frisson

Fim do meu túnel...

Pessoas que amei,
sons que dancei,
cigarros que fumei,
goles que dei,
viagens que fiz,
outras que planejei,
erros,
acertos,
amigos que chegaram,
amigos que partiram,
paixões que me arrebataram,
raivas que senti,
orgulhos tolos,
outros nem,
estudos,
trabalho,
sucesso,
decadência,
realeza, 
indecência,
dinheiro na mão,
dinheiro já não,
confusão,
sedução,
sonhos possíveis,
outros o cão,
liberdade,
maternidade,
incertezas,
juventude,
beleza,
causa,
efeito,
loucuras que deixei fluir...
E hj mais do que em qualquer outro momento acredito que nada é em vão.
Nada é em vão.

Garçon, por favor outra rodada.

O mundo não é o bastante


Sofro de amor platônico pelo desconhecido.

Minha religião: Os Astros
Minha terapia: Os Astros
Minha saída: O próximo cometa

Se habilita?

Em mim o que há de primordial é o jeito de sonhar

Intervalo doloroso

Tive um dia desses uma histeria de paixão.
Tava precisando de transpiração, inquietação, piração...
De inspiração.
"É possível a certas almas sentir uma dor profunda por paisagem pintada."

(F.Pessoa)

Out

Na verdade
No erro
No gozo
No mal estar
Seja seu próprio ser
Viva a tua vida. Não seja vivido por ela.

Carregue a tua cruz.

In

A delícia de se pensar compreendido...
Esse desejo só cabe aos incompreendidos. Os simples, os outros, aqueles que as pessoas podem compreender não experimentam esse desejo.

E deixo pra pensar o quanto complexa e (tantas vezes) cruel é feita a compreensão dos outros sobre nós.

Sigo na delícia do desejo...

20.4.09

...em torno de vc e de mim é zona erógena.

Hummmm...

Salve Jorge!

Frisson

- Hj eu vou ser seu sonho.

Amo ser um bicho virginiano.

Me divirto.

Quase levito...
Pra vc...


Eu danço.

Cabral, o que fazer com tanta vontade?

Paz

"- Quem sabe numa próxima vida quando nós dois formos gatos" 

Formas de loucuras...

Loucura assumida
Loucura compartilhada
Loucura disfarçada
Loucura atacada
Loucura escondida
Loucura desencapada
Loucura dignificada...

mas de qualquer maneira loucura.

Me fala da sua.

19.4.09

Dra. A. Frodite recomenda:

Pra uma pele saudável,

Goze as much as you can.
-Prazer, Pecado.
-Prazer, Michelle.

Conto de fadas carnal

Tudo bem, vc não aguentou o peso da barra
Que é me conhecer de verdade
Se arregou, parou na metade
Agora vai, vai correndo
Pra um lugar seguro(??!!)
Se lembrando, duvidando, racionalizando, emburrecendo
E planejando um futuro normal (??!!),
Como um conto de fadas
Que mal!
Que boçal!
Não te contaram não?
No final da alma é tudo carnal.

Abençoada pela conspiração

O Universo me deu um coração que ama
Alguma tristeza
Destreza
E champagne...Quanta gentileza!
Somos perdoados por todos os Deuses do Amor.

Heavy Love

"Eu não sei se o nosso caso
Vai durar ou não
Se o que sinto por você
É doença ou paixão
Acenda as luzes todas
Perca a razão
Vem, me procura e encaixa
No escuro do meu coração
Pro nosso amor descarado
Virado
O mundo lá fora
Não vale pra nada"

(Cazuza)

O amor na prática é sempre o contrário.

Se você me encontrar assim
Meio distante
Mexendo no cabelo
Olhando o chão
É que eu tô pensando
Num lugar melhor
Ou eu tô amando
E isso é bem pior...

Mas se eu tiver nos olhos
Uma luz bonita
Fica comigo
E me faz feliz
É que eu tô sozinho
Há tanto tempo
Que eu me esqueci
O que é verdade
E o que é mentira
em volta de mim.

Se a vida é feita de escolhas...


Escolhi vcs!

16.4.09

Amores cruéis

Serás quem eu quiser.
Farei de ti um ornamento da minha emoção posta onde quero, e como quero, dentro de mim.
Contigo não tens nada. 
Não és ninguem, pq não és consciente; apenas vive.

(F.Pessoa)

Fernando Pessoa

...e tudo é uma doença incurável.

Essa fica no repeat.

Eu encontrei a quando não quis 
 mais procurar o meu amor
e quanto levou foi pra eu merecer
antes de um mes eu já não sei
e até quem e ve lendo jornal
na fila do pão sabe que eu te encontrei

E ninguem dirá
que é tarde demais
tão diferente assim
do nosso amor
a gente é quem sabe pequena

Ah vai!
Me diz o que é sufoco que eu te mostro alguem afim de te acompanhar
E se o caso for de ir a praia
eu levo essa casa numa sacola
Pra te acompanhar...

Eu encontrei-a e quis duvidar
tanto cliche
deve não ser
vc falou pra eu não me preocupar
ter fé e ver coragem no amor
e só de te ver
eu penso em trocar a minha tv
num jeito de te levar
a qualquer lugar
que vc queira
e ir onde o vento for
que pra nós dois
sair de casa já é
se aventurar....

Ah vai!
Me diz o que é sossego que eu te mostro alguem afim de te acompanhar
E se o tempo for te levar
Eu sigo essa hora
e pego carona
pra te acompanhar...

(Los Hermanos- Último romance)



Amante habitual

Acho que não estou fadada ao amor. (Só acho)

Afiada

Ô língua boa de mostrar
Ô língua boa de visitar
Ô língua boa de babar
Ô língua boa de falar
Ô língua boa de escutar
Ô língua boa de abalar
Ô língua boa de amar
Ô língua boa de morder
Ô língua boa de doer
Ô língua boa de arder
Ô língua boa de prazer
Ô língua boa de lamber
Ô língua boa pra quem ser
Ô língua boa
Ô língua...

...

A gente tem que morrer tantas vezes durante a vida
Que eu já tô ficando craque em ressurreição.
Bobeou eu tô morrendo
Na minha extrema pulsão
Na minha extrema-unção
Na minha extrema menção de acordar viva todo dia
Há dores que sinceramente eu não resolvo
sinceramente sucumbo
Há nós que não dissolvo
e me torno moribundo de doer
daquele corte do haver sangramento
e forte que vem no mesmo malote das coisas queridas
Vem dentro dos amores dentro das perdas de coisas antes possuídas
dentro das alegrias havidas
Há porradas que não tem saída
há um monte de "não era isso que eu queria"
Outro dia, acabei de morrer depois de uma crise sobre o existencialismo, 3º mundo, ideologia e inflação...
E quando penso que não me vejo ressurgida no banheiro
feito punheteiro de chuveiro sem cor,
sem fala nem informática
nem cabala
eu era uma espécie de Lázara poeta ressucitada passaporte sem mala com destino de nada!
A gente tem que morrer tantas vezes durante a vida
ensaiar mil vezes a séria despedida
a morte real do gastamento do corpo
a coisa mal resolvida daquela morte florida cheia de pêsames nos ombros dos parentes chorosos cheio do sorriso culpado dos inimigos invejosos
que já to ficando especialista em renascimento
Hoje, praticamente, eu morro quando quero:
às vezes só porque não foi um bom desfecho ou porque eu não concordo
Ou uma bela puxada no tapete
ou porque eu mesma me enrolo
Não dá outra: tiro o chinelo... E dou uma morrida!
Não atendo telefone, campainha...
Fico aí camisolenta em estado de éter nem zangada, nem histérica, nem puta da vida!
Tô nocauteada, tô morrida!
Morte cotidiana é boa porque além de ser uma pausa
não tem aquela ansiedade para entrar em cena
É uma espécie de venda
uma espécie de encomenda que a gente faz pra ter depois
ter um produto com maior resistência
onde a gente se recolhe (e quem não assume nega)
e fica feito a justiça: cega
Depois acorda bela
corta os cabelos muda a maquiagem reinventa modelos
Reencontra os amigos que fazem a velha e merecida pergunta ao teu eu:
"Onde cê tava? Tava sumida, morreu?"
E a gente com aquela cara de fantasma moderno, de expersona falida:
"Não, tava só deprimida."

Moral da ambiguidade.

O que desperta o amor e o desejo de uma mulher é a intensidade do desejo do homem por ela.

Parecia-me que a Terra não seria habitável se não houvesse alguém que eu pudesse admirar.

Todos deveriam ler Simone de Beauvoir

(...) Entretanto, não se deve acreditar que todas as dificulades se atenuem nas mulheres de temperamento ardente. Ao contrário, podem exasperar-se. A pertubação feminina pode atingir uma intensidade que o homem não conhece. (...)


Simone de Beauvoir (9 de janeiro de 1908 - 14 de abril de 1986), filósofa, ensaísta e escritora francesa.

15.4.09

Na vingança e no amor a mulher é mais bárbara do que o homem.

Friedrich Nietzsche

Pra quem não sabe...Meu filho.

No dia 14 de março de 2006 presenciei numa sala bem iluminada, numa posição bem confortável (pelo menos pra mim), cercada de pessoas competentes e de amor... O quanto o universo é perfeito.
Diego chegou! Lindo, cheio de saúde, Pisciano. (amei ele ser aquático)
E pra minha grata surpresa veio trazendo com ele o ascendente Escorpião. (tb água, daquelas profundas)

Um menino com a profundeza dos grandes mestres alquimistas. Lindo. Sábio. E entendendo exatamente quem é a sua mãe. A Lua dele veio em Virgem, meu Sol. (Vcs entendem?)

Nossa ligação é alquímica, intensa. De amizade profunda, de gratidão. Ele já sabe desde cedo que o ser humano (que por enquanto se resume a mãe dele) tem medos, apegos, erros, tristezas, loucuras... Nada é escondido dele. Somos cúmplices. E o resultado é positivo.. O feedback vem do seu desempenho escolar, de sua ligação com as outras crianças, seu amor pelos animais, de suas atitudes carinhosas...

Quer me criticar?
A caixinha tá do lado da de sugestões, que tá ao lado da caixinha de elogios. A caixinha de hipocrisia tive que retirar, pq mais uma vez lotou.

Sinto muito se vc não participa todo dia da educação dos seus filhos.

Educar é pra poucos.

E eu tenho esse merecimento.

Resolvi chorar...

Sabe aquele choro baixinho embaixo do chuveiro.
Aquele choro quente que a água leva e lava.
Que começa no peito...bem ali perto do coração.
Até explodir em água.
Daqueles que ninguem precisa escutar.
De um soluçar ritmado..
Enfim, jorrou.
Com um gosto profundo de tristeza as lágrimas vieram..Nem lembrava mais delas.
Sentei ali mesmo no chão e esperei uma a uma cair.
Tava precisando lavar a alma.
Pra ela voar mais leve.
Pra bem longe.

Oração ao sol da manhã

Preciso sonhar um sonho novo,
preciso saber perder um velho sonho,
preciso gerar um novo sonho
e crer nas sempre novas possibilidades
que o que há de vir me oferece.
Preciso encontrar o que mereço em outro endereço,
e que seja logo, que seja breve.
Preciso daquela esperança de um dia após o outro
que a travessia do tempo me concede.
Ó futuro, não me deserde!

(Elisa Lucinda)


Obrigada Lu.

7.4.09

Bjs.

Uma coisa é certa... 

Não da pra gostar sozinha.


Joguei a toalha.

Uma historinha chamada Amor.

Tava lá ele... Bonito, vermelho, gordinho, assanhado, quentinho.
Remendado, é verdade. Mas ali tranquilão,
na dele afim de dançar um som (o que tocasse) sem compromisso de ritmo, de batida, de tum tum tum.
Há tanto tempo não se sentia assim, sozinho e feliz. Se Re Le Pe. 
Vem o acaso...
Que chega pra variar do nada (senão não seria acaso),
sem avisar(não seria acaso), no meio da multidão (não seria acaso) e invade o pobre gordinho.
-Aiiiiiiiii!!!!
Que desespero (ele tá com medo tadinho) tenta desviar, abaixar, correr, pega um escudo (de onde surgiu isso??? Precavido ele anda armado)... Em vão. (não o julguem pedra)
Pq o que chega sem aviso... Chega com força. Entra profundo. Entra com tudo.
Invade o seu mundo.
Pobre gordinho. Feliz gordinho.
-Que coisa boa de sentir!!!!!
Que sem saída se entrega.
E na entrada só pede:
Carinho, poesia, pipoca e refrigerante. (Tudo grande)

4.4.09

algumas (momentos ravel)

"eu só sou legal uma vez por mês, e esse mês já era."

"é impressionante a quantidade de meninas aqui no orkut que usam citações de lispector para se definir."

"tem dias que eu não consigo amar."

"tem outros que eu transbordo."

"mais alguém aqui acha que tem gente demais no mundo?"

"mulheres do mundo todo, ouçam-me: eu as desejo todas!"

"e minha língua, víxi, essa é travessa de tudo..."

"faixa-preta em delírio."

"uma citação do zé:
-cachoeira. pedra. pescoço quebrado.
eu adoro."

"e beijar numa pista de dança é a experiência do tempo parando."

"gente, na boa, o elvis morreu sim."

"quando a realidade aperta corro para meu escondelírio."

"mas por que?"'e porque não?'

"quem não bebe tem algo a esconder"

"sempre me interessei mais pelas coisas do silêncio."

"ok, eu sou menos bacana que você, fazer o que?"

"que o mundo me coma direito ou me cuspa de uma vez."

"quem é esse tal de ravel que te escreve sem parar?"

"vontade em estado sólido."

"você entende tudo que lê?"

"o greenpeace devia proteger os mistérios. esses sim estão em extinção."

"me dá?"

"pra q chuva sem ela? pra q língua, mão, pau?"

"quer dizer q é assim, né?, adeus e boa sorte?!"

"me inspire, ela me disse, e não sobrou nada dela."

"vc comeria a amy winehouse?"

"(funk)

tá muito chato!
tá tudo muito chato!"

...................................................................

Qual

dos cindo mil sentidos está livre de mal-entendidos?

Brincando com Leminski (de novo)

..calma calma
logo mais a gente goza
perto do osso a carne
é mais gostosa.

La vie en close

Esta vida
é uma viagem
pena eu estar
só de passagem